Pular para o conteúdo principal

Postagens

Sintomas - Eu saí da depressão, você também pode!

Olá pensadores de plantão do Suave Pensamento. Tudo bem? *-*

Hoje é dia da terceira postagem do blog para a série "Eu saí da depressão, você também pode!". Já temos duas postagens aqui no blog, sendo elas a de Início da série (na qual falo sobre o propósito, o motivo de a série existir) e a dos Sinais durante a vida (na qual eu falo sobre características e atitudes minhas que tive durante a vida e que contribuíram para que eu me deprimisse).

Na postagem de hoje listarei os sintomas que percebi em mim de forma que você, leitor, veja se existe algum sintoma assim em você. Ou também ficar alerta para que em qualquer indício de qualquer sintoma desses você já faça algo. Lembrando que durante a vida já existiam sinais, mas eu só fui atrás de tudo isso quando a bomba explodiu, se é que assim posso dizer. Os sintomas são a famosa "ponta do iceberg". Farei uma comparação aqui: quando uma pessoa tem gastrite os sintomas são as dores insuportáveis na direção do estômago, ela…
Postagens recentes

Sinais durante a vida - Eu saí da depressão você também pode!

Olá pessoal tudo bom com vocês? Espero que sim e se não estiver espero que um dia fique tudo bem e você seja muito feliz!

Esta é a primeira postagem aqui do blog Suave Pensamento para a série "Eu saí da depressão você também pode!" que apresentei (o que é e propósito) nesta postagem AQUI. Quero começar a falar com vocês sobre o princípio de tudo, sim a depressão tem um princípio, e as vezes não damos ouvidos a ele. Assim como qualquer doença ela dá sinais sutis e se não ouvirmos a coisa só piora com o tempo. Aqui vão algumas características e sinais que notei em mim, mas que na época eu não imaginei que isso pudesse se tornar algo maior como a depressão. Qual é o propósito? Levantar uma reflexão sobre o que pode levar uma pessoa a se deprimir, além de aconselhar a quem nunca passou por isso para que fique atento e não deixe de se cuidar. Será que você possui alguma dessas características? Vamos ver?

1. Vício em pensar e ansiedade
Eu sempre pensei demais! Desde que me conheço …

Série "Eu saí da depressão, você também pode!" - Início

Eu sempre sonhei em ajudar pessoas. Não sei por qual motivo em qualquer situação que algum ser humano estivesse em dificuldade estava lá eu ouvindo e dando altos conselhos. No início do Suave Pensamento eu fiz isso e ao longo do tempo (na vida real rs) também, eu só não imaginava a proporção que isso poderia tomar. Não imaginava que aqui poderia se tornar um lugar que sim eu pudesse ajudar o maior número de pessoas possível. Hoje em dia o Suave Pensamento se tornou esse lugar, um lugar de acolhida e de auxílio por meio das palavras. E assim vai ser com a Série que, desde os tempos de depressão, eu estava querendo criar e que se chamará "Eu saí da depressão, você também pode!".

Vamos entender um pouco mais dessa história?

Há 4 anos atrás eu entrei em depressão. Devido a inúmeros acontecimentos em minha vida que não soube lidar e maus hábitos (falta de equilíbrio entre as áreas da vida - a vida não é só estudo e trabalho não viu! rs) o corpo e a mente não aguentaram e pediram …

Afinal, qual é o SEU padrão?

Será que essa cor fica boa para mim? O que fica melhor para quem tem cabelos cacheados? Essa roupa fica bonita no meu corpo? Essas cores de esmalte só podem ser usadas por jovens. Acho que pintar os cabelos nessa idade, ainda mais de roxo, vai chamar muita atenção. Melhor eu usar um pretinho básico, assim não preciso explicar o motivo de usar cores tão chamativas. Será que esse penteado fica bom pra mim? Afinal, o que fica melhor em mim? 

Quem nunca ouviu alguma frase dessas?
Eu sempre fui a louca das cores, acessórios, esmaltes e tudo o que me permitia ser quem sou. Na adolescência dava dicas de unhas, maquiagem e tudo que envolvesse arte e criatividade para quem me perguntasse. E sempre que me perguntavam, por exemplo, se a cor X ficaria bom com a sombra Y e então eu perguntava: você ficaria feliz usando essas cores dessa forma? O que você gosta? Se é o que você gosta e é o que te representa se joga! A verdade é que para mim nunca existiu um padrão de certo e errado, ainda mais em r…

O problema nunca foi o dinheiro

Estive pensando sobre a minha, a sua, a nossa relação com o dinheiro. E pelo menos a minha era legal, até que em determinado momento passei a questionar o sentido de trabalhar para então ganhar. Passei a me questionar o sentido do ter dinheiro, afinal, para que? Fiquei pensando no sentido da vida, afinal, o sentido da minha estava baseado em uma lista de coisas a fazer e depois de coisas a ter. Claro, ter algumas coisas que ajudam na nossa existência humana é necessário. Mas basear a minha passagem por esse mundo nesse sentido com certeza não! Eu estava pensando era no final de tudo. E depois de conquistarmos tudo o que queremos, o que faremos? E depois da faculdade, dos filhos, da carteira de habilitação, de tudo, de termos tudo o que queríamos e sonhávamos, quem seremos? Ficaremos parados, estagnados olhando para tudo aquilo. E aí, o que será? A vida então era isso? Pra mim não, eu queria mais.

E depois de uma longa jornada de crise existencial e auto conhecimento pude ir redirecion…

Afinal, o que é ser feliz pra você?

Houve um tempo em minha vida em que não fui feliz. A verdade é que todos os traços de alegria e felicidade tinham passado e bem longe de minha vida e meu semblante. Mergulhei em um mar de tristeza e sem entender nada tive que mergulhar em mim mesma. Era preciso entender, afinal, por que eu estava tão triste? Afinal, o que era ser feliz para mim? Afinal, onde tinha ido parar toda a minha felicidade? Eram perguntas e mais perguntas para me sentir finalmente em paz. Perguntas e mais perguntas para eu voltar ou então reaprender a ser feliz.

E lá fui eu...

De onde vinha essa tristeza? Desde quando eu me sentia assim? Quais acontecimentos tinham deixado marcas tão negativas em meu coração? O que eu poderia fazer para melhorar tudo isso? Poxa, eu só queria ser feliz! Será que algum ser humano conseguiria me entender? Esse era um momento meu, comigo mesma. Era preciso aceitar. Aceitar que a vida não é feita somente de momento bons, as vezes ela vem, e nos cobra uma pausa. Um descanso, para qu…

Pausas também são necessárias...

Estou em um momento sei lá. Nem triste nem feliz, apenas sei lá. É que depois de algumas pancadas e uns tropeços da vida a gente fica assim mesmo. Não sente alegria nem tristeza, só fica ali a espera de alguma explosão de mudança e alegria vir pra cima da gente. A verdade é que por um tempo esqueci de mim mesma. Em meio a toda rotina que subiu pra cima da minha cabeça eu esqueci que a vida não era só aquilo. Eu esqueci que existe o equilíbrio e quando a gente esquece isso, rapaz, a própria vida cobra. O corpo pede um descanso. E a mente só fica lá, parada, porque já cansou de trabalhar.

É, é isso mesmo. Enquanto alguns dizem que você tem que fazer isso ou aquilo apenas a gente sabe o que é necessário pra gente. O momento agora é de pausa, não dá pra contrariar. Pausa em tudo o que está em excesso, pausa para a falta de amor próprio, pausa para tudo aquilo que não tem a ver com a minha essência, pausa da correria, pausa de tudo. Eu preciso parar! Mas muito mais do que um momento de pau…