Pular para o conteúdo principal

Como foi o meu primeiro semestre de Jornalismo?

Olá galera, estou aqui para falar um pouco mais da minha Faculdade de Jornalismo. Lembrando que nesse post AQUI eu falo sobre a minha escolha pelo curso de Jornalismo e nesse outro post AQUI eu mostro os livros que usei no primeiro semestre.

Dessa vez vou contar pra vocês como foi o meu primeiro semestre lá... Incluindo todas as felicidades e dificuldades.
Foto retirada do site: http://www.oquefaltou.com/2015/04/se-eu-pudesse-trocar-de-profissao-52.html
Vamos lá?

De início meu primeiro dia foi muito engraçado: eu me perdi na faculdade. Achei um mural que tinha escrito todos os cursos e as salas correspondentes, mas havia um detalhe: existiam DUAS turmas de jornalismo (turma 1 e turma 2) e eu fui para a sala em que estava a turma 1, ok, lá estava eu... Linda e bonita. Assim se passaram os meus três primeiros dias e mais ou menos no 4º ou no 5º dias os professores começaram a fazer chamada e adivinhem - quando chegava na letra "C" estava eu esperando meu nome ser chamado e nada... Camila, e não sei o que e Caroline? ...cri cri cri... No início achei que era algum erro comum por ser começo de semestre então nem me importei tanto. Mas passei a achar estranho, pois todas as vezes (sem exceção) que havia chamada eu não era chamada rs.

E o que eu descobri? Eu estava matriculada na turma 2, porque a turma 1 estava muito cheia. E aí foi aquela preocupação: "nossa, como vou fazer para ficar na turma 1? Já até formei grupo pra fazer trabalho e tudo mais..." (Sim, na faculdade logo no início, dependendo do curso, você tem que formar um grupo mesmo sem conhecer as pessoas HUSAHSUAHUSH.) O meu desespero foi esse.
Foi então que me deram (meus novos abiguinhos) a ideia de permanecer na turma 1 e pedir pela minha permanência nela e fui o que fiz: abri um serviço no portal da faculdade e pedi minha permanência na turma. Eu tinha que esperar pela resposta deles. Os dias passavam e minha agonia só aumentava e eu não ia para onde a turma 2 estava (a rebelde rs) e foi aí que depois de uma semana eu recebi a autorização de permancer na turma 1 uhuuuuuuuuuuuuuuuul. E pronto, finalmente eu virei aluna da turma 1.

E aí meu 1º semestre na Faculdade de Jornalismo finalmente começou! 

Tive as seguintes matérias: História do Jornalismo, Gêneros Jornalísticos, Comunicação e Linguagem, Filosofia, Jornalismo em Rádio, Televisão e Impresso - lembrando que esses três últimos incluíam tanto aulas teóricas quanto aulas práticas.

Em História do Jornalismo aprendemos características que existiam nos jornais que foram pioneiros no Brasil que permaneceram nos jornais até os dias de hoje.
Em Gêneros Jornalísticos conhecemos as diversas formas em que o jornalismo se apresenta (reportagem, entrevista e outros).
Comunicação e Linguagem envolvia o uso de metáforas, argumentos e várias outras figuras de linguagem e de comunicação que acabamos por usar em Jornalismo e em várias áreas da Comunicação.
Filosofia retomamos conceitos sobre grandes filósofos e a relação deles com o Jornalismo: filósofos sempre questionam e os jornalistas não podem ser diferentes, estamos sempre duvidando de tudo.
Em rádio montávamos pequenas notícias e gravávamos no estúdio, era uma ótima forma de sentir na pele a rotina de um jornalista e radialista.
Em tv era parecido com rádio, só mudava porque no lugar de um microfone havia uma câmera rs.
Em impresso aprendemos vários formatos na prática que são usados no jornal impresso (notícia, reportagem), aprendemos o que não deve ser esquecido ao relatar um fato e muitas outras coisas.

Felicidades:
Na faculdade fiz novas amizades. Pude aprimorar o trabalho em grupo. Estou levando o blog mais a sério porque ele conta muito na profissão escolhida, é como se fosse um cartão de visitas meu.

Dificuldades:
Tive um pouco de dificuldade em me adaptar ao dia-a-dia dos estudos porque fiquei um tempo parada. Outra dificuldade foi que além de todas essas matérias tínhamos o Projeto Integrado (PI) no qual tivemos que analisar uma mesma notícia em três veículos diferentes (televisão, rádio e jornal impresso) e apontar todas as diferenças e semelhanças entre eles. Essa foi a parte mais difícil pra mim, porque exigia o trabalho em grupo e trabalhar em grupo não é fácil, são várias personalidades se confrontando. Mas no fim fomos parabenizados e levamos uma boa nota. Saímos contentes e comemoramos comendo uma batata frita com cheddar e bacon HAUSHSUAHS.
Este foi meu breve relato sobre como foi o meu 1º semestre em Jornalismo. Se quiserem saber mais coisas comentem aqui à vontade.

Espero que tenham gostado,
Beijocas!

Comentários

  1. tô no mesmo embalo que você, só que curso publicidade.. também vou pro 2º período e compartilho no blog tb minhas experiências, li as postagens anteriores do seu curso, gostei bastante ☺
    continue escrevendo, esse tipo de post ajuda bastante quem tem dúvidas sobre escolher o curso e como é

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estamos na mesma mesmo então AHSUHSAUH ah que bom que gostou *-* vou trazer sempre mais novidades aqui! Que bom saber disso, então não vou parar hehe. Beijocas e Paçocas :*

      Excluir
  2. Adorei o post haha, que barra a situação das turmas, mas ainda bem que conseguiu resolver! Estava na dúvida entre fazer psicologia, direito, letras e jornalismo porque gosto de todos <3 porém farei logo direito :3 beijos.

    http://perfeitassintonia.wix.com/harm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que bom que gostou flor! Nossa nem me fale, ainda bem que esse semestre não vai ter mais essa loucura kkk. Então, é bom você ver o foco de cada curso né, no caso do jornalismo o foco é a INFORMAÇÃO acima de tudo, :) Todas esses cursos já havia pensado também, acho que é típico da galera de humanas né AHSUASH
      Volte sempre, beijocas e Paçocas :*

      Excluir
  3. Imagino que as coisas legais superam as nem tão boas.
    É muito bom as amizades que ficam disso tudo.

    Bjim...
    blog Usei Hoje

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza flor e tudo na vida é assim né. Ufa!
      Sim, são o máximo uhul.
      Beijocas e paçocas :*

      Excluir
  4. Adorei o post, muito legal saber um pouquinho da sua experiência :) tenho certeza que no final as coisas boas sempre superam as ruins!!!!!
    Beijokas da Carol e Camila:*
    Vamos Papear 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que maravilha saber que gostou *-* fico mt feliz. Sim sim, no final só lembramos do que foi bom.
      Beijocas e Paçocas flores :* voltem mais vezes!

      Excluir
  5. Oiee Carol,acho uma profissão super legal,tinha vontade de fazer também,adorei conhecer um pouco mais ;)
    bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor!
      Sim, é uma profissão muito bacana (sou suspeita HAUSAHSHU) fique ligada aquii no blog, vou trazer o máximo de informações possíveis :)

      Excluir
  6. Oii Carol, adorei o post. Estou indo para o segundo semestre de jornalismo e confesso que tudo tem os seus altos e baixos mesmo, mas adorei o relato que vc fez.
    Muito legal conhecer o seu blog.
    Parabéns por tudo, sucesso!!
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oooi! Ai que bom saber disso! Aaah uma colega de trabalho uhul! Que bom que gostou, volta sempre viu!
      Obrigada, sucesso pra gnt então hehe.
      Beijocas e Paçocas :*

      Excluir
  7. Sempre quis ser jornalista, mas ainda não sei ao certo o que quero seguir! Adorei o post :*
    Da uma olhada no meu blog? ;) muitaaudacia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, não se cobre por escolher tão rapidamente, essa escolha tem o seu tempo para cada pessoa.
      Que bom que gostou, olharei sim com certeza.
      Obrigada pela visita.
      Beijocas e Paçocas :*

      Excluir
  8. Meu sonho é ser jornalista, quero muito fazer a faculdade, porém tenho muitas duvidas sobre as materias .
    Beijo
    Cartarabiiscada.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quais dúvidas flor? Se der manda pra mim, quem sabe não te ajude a se decidir.
      Beijocas e paçocas :*

      Excluir
  9. Teve uma época em que eu tinha certeza que queria fazer jornalismo! Mas sou tão tímida, morreria de vergonha por ter que fazer esses trabalhos envolvendo apresentação e interpretação de notícias e tals, e quando chegasse na hora de trabalhar em uma tv ou rádio HEUHEUHEU não daria certo!
    Nunca tinha visto um post assim, detalhando coisas sobre o curso, o máximo que vi foram garotas mostrando a mostrando a preparação, maquiagem e tals, pra facul. Gostei muito mesmo! Parabéns!
    Beijos!
    www.conversasassim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, pára! Pode ir fazer jornalismo HASUAHSSHAU Flor, uma coisa que tenho pra te falar: a timidez é perdida aos poucos e com o tempo. E outra, em qualquer outra área você vai ser submetida à situações que precisará falar pra um grande público.
      Eu era muito tímida na infância e hoje em dia tenho que ter um freio pra parar de falar... E fora que com o curso de jornalismo você não precisa ir pra frente da câmera ou do microfone sempre...
      Ah que bom saber disso, amei! Obrigada viu, volta sempre aqui.
      Beijocas :*

      Excluir
  10. Você faz Jornalismo que amor <3 Eu também faço e vou começar o segundo período agora.
    Meus primeiros dias na faculdade foram maravilhosos e eu to amando de paixão o curso.
    Minha grade é um pouco diferente da sua, vou pegar rádio e tv agora e to muito ansiosa. Vou pegar redação no segundo período também e to morrendo de medo e ansiedade.
    O curso é maravilhoso né? Tive a oportunidade de ir em uma filial do sbt aqui na minha cidade e fiquei maravilhada e amando ainda mais essa área da comunicação.
    Amei muito seu blog e esse post <3
    Beijoss

    http://meudiversouniverso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiim, faço <333 Eba, somos colegas de profissão então!
      Ah que bom que está gostando *-*Acho que cada faculdade é de um jeito mesmo... Sim, é, mas ainda não fui visitar grandes veículos como você fez, quem sabe nesse semestre...
      Obrigada, que bom que amou! Fico muito feliz, volte sempre aqui :)
      Beijocas e Paçocas :*

      Excluir
  11. Que saudadees do meu primeiro semestre de Jornalismo lembro que tive disciplinas como Estudos da Comunicação, Jornalismo investigativo, Estética e história da arte, Desenvolvimento pessoal e profissional e leitura e produção de texto, mas sabe o primeiro semestre pra mim o melhor de todos.

    http://www.caprichadissimas.com.br/
    @blogcaprichadissimas - INSTAGRAM
    Beijooos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa suas disciplinas foram um pouco diferentes das minhas. Não tive estética, nem história da arte e nem jornalismo investigativo :O cada faculdade é de um jeito né...
      Beijocas!

      Excluir
  12. Um dos períodos que mais me lembro da faculdade de Jornalismo é justamente o começo e o meio.
    A gente se sente um pouco perdida no início, mas depois vai se acostumando. Surgem os estágios, trabalhos e amizades novas. E você acaba se descobrindo também.
    Boa sorte e foco, pois é muito importante! (;

    Beijos.

    oeraumavezdeverdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, no começo a sensação de peixe fora d'água é constante rs. Obrigada flor. Beijocas!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Obrigada Depressão!

Obrigada depressão por me ensinar aquilo que nenhum ensino fundamental, ensino médio ou  a faculdade me ensinou. Obrigada depressão, por me mostrar quem é de verdade e quem realmente me ajudou. Obrigada depressão, por me mostrar como o mundo ainda pode ser lindo em meio a tantos motivos para chorar e se amargurar. Obrigada depressão por me mostrar para que veio e por quem vale realmente a pena se importar. Obrigada depressão por fazer-me tanto me amar. Eu te agradeço, e não e pouco não.
Eu te agradeço por fazer-me resgatar. Agradeço por fazer-me resgatar aquela que sempre fui, mas ainda melhor e mais cheia para brilhar. Eu te agradeço por me fazer resgatar tudo aquilo que me faz mais plena e escrever é apenas mais um item dessa lista. Eu te agradeço por me mostrar o verdadeiro valor de um olhar, o valor de um olhar que está lá, apenas me esperando para ajudar. Em meio a tanta dor eu confesso que não quis te aceitar, mas hoje em dia eu vejo que o melhor que fiz foi te deixar entrar.
O…

O dia em que deixei de me afogar e aprendi a nadar sozinha

Senti desespero. Me senti sozinha mesmo estando entre tantas pessoas. Eram pessoas que me amavam, eu sei disso. Cuidavam de mim. Eram meus amigos. Por que tanto medo? Por que tanto receio? Por que esse desespero? Eu não sei. Simplesmente sentia e vinha como um furacão, era apenas um pensamento e pronto: desespero, confusão e angústia tomavam conta de mim. Eu não entendia e ninguém entenderia. Como entenderiam algo que nem mesmo quem sente entende? Me sentia perdida e só. Me sentia confusa e incompreendida. Não me sentia eu e isso era péssimo. O que estava acontecendo? Por que sentir tudo aquilo?
Você estava ao meu lado, você sempre esteve. Obrigada. Conversei contigo, desabafei e tive vontade de chorar... E chorei. Precisava daquele momento. Estranho momento. Você me ouviu, assim como alguém que ouve atentamente ao recado de alguém para saber o que fazer depois. Você me ouviu, processou o que eu te dizia e logo percebeu quantas asneiras e peripécias a minha mente criara. Já não era eu…

Nunca deixe que lhe roubem a sua essência!

Você é do tipo brincalhão ou quieto? Você é do tipo introvertido ou extrovertido? Você é do tipo colorido ou preto e branco? Você é do tipo que sonha muito ou não? Você é o que? Ultimamente ando refletindo bastante sobre isso. Sobre ser o que você é e sobre ser o que os outros querem que você seja. Eis aí um perigo! A minha personalidade é única e a sua também e não podemos deixar que nada nem ninguém nos roube isso ok? E eu vejo isso que acontece bastante, o roubo da essência, estranho né? Nem tanto...

Todos nós nascemos de um jeito e somos únicos. Desde pequenos temos dons e um jeito de olhar as coisas que é só nosso. Ao longo da vida cruzamos com pessoas diferentes de nós que muitas vezes não compreendem nosso jeito único de ser e se acham no direito de criticar/julgar a nossa personalidade. Um exemplo é o de pessoas introvertidas que sempre ouvem "nossa você está falando muito hein" ou "fulando não cala a boca" (em tom de ironia sabe), mas que infelizmente nunc…