Pular para o conteúdo principal

Músicas. Fikdik :*

Como todos que me conhecem sabem: sou louca por música! Adoro decorar letras de músicas e sair cantarolando por aí rs. Amo ver os lançamentos, baixar e passar pro celular *-*
Falou em música falou em Caroline Guccione!
Por isso fiz uma listinha de músicas que gosto pakas (links dos vídeos no youtube). Quero ver se alguém se identifica comigo! Espero que sim...

Nacionais:

O1 - RebolationParangolé
Essa promete marcar 2010 *-* rs.

O2Eu vou seguirMarina Elali.

O3O que você sempre quisStevens.

O4Bom diaScracho.

O5Do alto da pedra (acústico)Rosas de Saron.

O6Meu mundo sem vocêHevo84.

O7Pais e filhosLegião Urbana.

O8Por enquantoCássia Eller.

O9Vem pra cáPapas na língua.

1OIndecisãoSeu cuca.

Internacionais:

O1I’m YoursJason Mraz.
Sim, essa música é Linda e eu nunca me enjoarei dela *-* Prometo!

O2Stereo LoveEdward Maia feat. Alicia.

O3CrawlChris Brown.

O4Party BoppaRocca.

O5Broken Hearted GirlBeyoncé.

O6Already GoneKelly Clarkson.

O7Never everCiara.

O8Tango in tokioD’azzoo at night.

O9One day, one nightDj Antoine feat. Mish.

1ORound roundNe-yo.

Músicas que fazem as meninas da Comunidade Capricho lembrarem de momentos bons *-*

Bruna : Fresno - uma musica. Lembra o nocapricho 2009, quando eu estava a minha melhor amiga. Pode parecer um motivo bobo, mas pra nós duas marcou muito... Foi a primeira vez que nos encontramos *-*

Gabi: Please don't stop the music. Me lembra as festas de 15 anos com minha turma ano passado *-* A gente tem uma coreografia especial :)

Nat: We are the world , versão nova . Me lembra que no mundo , ainda existem pessoas legais :D

Vie: Girls just wanna have a fun, da Cindy Lauper, me lembra quando eu to com as minhas amigas *-*

Holly: Fall to pieces da Avril Lavigne. Me lembra a última viagem que eu fiz no meu antigo colégio com todos os meus amigos. Praticamente todo mundo foi e por ser meu último ano lá, foi muito mais intenso! Me lembra a hora que a gente tava no ônibus, aquela sintonia, lindo!

Beijocas e Paçocas :*

Comentários

  1. Ola beleza? vi seu blog em uma comunidade achei bel legal, mas tipo
    tenho uma dica para tu da um Up nele, pq tu não passa ele para um
    dominio profissional gratis, tipo o google indexa mais rapido e vc ganha
    bem mais visitas alem de parcerias e dinheiro si for o caso.

    Aqui nesse Topico nessa comunidade tem varios tutoriais olha ai:

    http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=1327088&tid=5442225959297148549&start=1

    Espero que ajude..

    Artilharia Digital

    ResponderExcluir
  2. Aaaah! Eu tb adoro a I'm Yours. Ok, Rebolation não é comigo, sou mais romântica... Gosto muito da One Last Cry também... Velhaaa! Marina Elali. Linda... Procura ouvir também a Reachin' for Heaven - Diana DeGarmo... É Perfeita... também não é novidade, mas garanto... É boa!

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Obrigada Depressão!

Obrigada depressão por me ensinar aquilo que nenhum ensino fundamental, ensino médio ou  a faculdade me ensinou. Obrigada depressão, por me mostrar quem é de verdade e quem realmente me ajudou. Obrigada depressão, por me mostrar como o mundo ainda pode ser lindo em meio a tantos motivos para chorar e se amargurar. Obrigada depressão por me mostrar para que veio e por quem vale realmente a pena se importar. Obrigada depressão por fazer-me tanto me amar. Eu te agradeço, e não e pouco não.
Eu te agradeço por fazer-me resgatar. Agradeço por fazer-me resgatar aquela que sempre fui, mas ainda melhor e mais cheia para brilhar. Eu te agradeço por me fazer resgatar tudo aquilo que me faz mais plena e escrever é apenas mais um item dessa lista. Eu te agradeço por me mostrar o verdadeiro valor de um olhar, o valor de um olhar que está lá, apenas me esperando para ajudar. Em meio a tanta dor eu confesso que não quis te aceitar, mas hoje em dia eu vejo que o melhor que fiz foi te deixar entrar.
O…

O dia em que deixei de me afogar e aprendi a nadar sozinha

Senti desespero. Me senti sozinha mesmo estando entre tantas pessoas. Eram pessoas que me amavam, eu sei disso. Cuidavam de mim. Eram meus amigos. Por que tanto medo? Por que tanto receio? Por que esse desespero? Eu não sei. Simplesmente sentia e vinha como um furacão, era apenas um pensamento e pronto: desespero, confusão e angústia tomavam conta de mim. Eu não entendia e ninguém entenderia. Como entenderiam algo que nem mesmo quem sente entende? Me sentia perdida e só. Me sentia confusa e incompreendida. Não me sentia eu e isso era péssimo. O que estava acontecendo? Por que sentir tudo aquilo?
Você estava ao meu lado, você sempre esteve. Obrigada. Conversei contigo, desabafei e tive vontade de chorar... E chorei. Precisava daquele momento. Estranho momento. Você me ouviu, assim como alguém que ouve atentamente ao recado de alguém para saber o que fazer depois. Você me ouviu, processou o que eu te dizia e logo percebeu quantas asneiras e peripécias a minha mente criara. Já não era eu…

Penso, logo sonho...

Eu sonho com aquilo que é possível, mas sonho com aquilo que parece impossível também. É que o impossível e o "jamais feito" muito me atraem. Não me levem a mal, mas é que o mundo já me enche tanto daquilo que é igual, daquilo que é rotina, que sonhar com a impossibilidade me faz transcender. Se depender de mim já sabe, eu não vou parar enquanto não ver o impossível acontecer. Vou mover mundos e fundos, mas nunca vou pensar em desistir ou achar que não sou capaz, porque desistir pra mim já é um verbo que nem gosto de pronunciar e na incapacidade eu definitivamente não acredito.

O engraçado é que sempre fui assim, sonhadora, e ai de quem tenta tirar isso de mim. Não pode! Tirar os sonhos do meu coração é como matar a minha alma com tantos "não". Por que não posso criar tal coisa? Porque não. Por que o mundo não pode ser diferente? Porque ele é assim, oras... Como assim? Tudo bem que mudar tudo pareça tão utópico, eu entendo, mas pelo menos uma parte dá pra tentar va…