Pular para o conteúdo principal

Eu tive que fugir... E tive que voltar...

Eu estava ali e eu sabia que aquele fim não era verdadeiro. A gente acabou, mas eu não sentia isso na pele. Eu precisava me afastar, mas bastava um olhar e eu desmontava em choro. Eu não queria mais, era o que a minha mente dizia. Tem algo aí ainda. Era o que dizia o meu coração. E agora, quem escutar? E agora, o que fazer? A decisão havia sido minha e isso me fazia querer voltar atrás. É que normalmente quem decide algo sente aquela vontade, por menor que seja, de voltar atrás na decisão e deixar tudo bem como estava. Mas será que estava tudo bem? Então por que a vontade do fim? Por que a vontade de me afastar? A verdade é que eu havia me perdido em você. E você também estava perdido em mim. A pessoa aqui já havia ficado pra trás pra dar o lugar ao tão famoso "nós", eu e você, você e eu. Eu lembrava quem eu era, mas não estava sendo. A preocupação estava focada em nós e a mente e o corpo não aguentaram. Eles pediram o fim. Ele se fez necessário. Eu segui os sinais e fiz como me pediram. Decretei o fim. Eu só estava esquecendo de um detalhe: eu ainda sentia algo. Fazer o que? Eu sentia necessidades: as coisas precisavam se alinhar, eu sentia isso, assim como sentia que o fim não delegava o verdadeiro fim de tudo e sim uma pausa. Respirar foi preciso. Amadurecer também. Pausar foi preciso. E voltar também...

Comentários

  1. Adorei o texto. Acho que o segredo de tudo é o amadurecimento. Como diz no final, amadurecer é preciso rs Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e como isso foi difícil pra mim. Ainda estou aprendendo...
      Beijocas

      Excluir
  2. Amei o texto. Quando você falou no seu texto: "a pessoa aqui já havia ficado pra trás pra dar o lugar ao tão famoso nós..." Eu me lembrei um texto de Osman Lins, Os Confundidos, no texto ele diz: É porque nos amamos, estamos confundidos, cada um é a si próprio e também é o outro.
    Gostei muito do seu texto e do seu blog também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiiiiiiim, isso acontece comigo sempre! Amo tanto que me confundo com a pessoa rs. Que bom que gostou, *-* você é uma leitora bem fiél rs beijocas

      Excluir
  3. Adorei muito o texto... Todos em algunsa momento passou por essa situação, ou vai passar, faz parte da vida, faz parte do amor... O tempo sempre é o melhor professor!!! E Amadurecer é necessario. Grande Beijo...

    http://arrasandoenamoda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo que curtiu *-* sim, o tempo no meu caso ajudou a rever uns conceitos!
      Beijocas

      Excluir
  4. Lindo o texto, continue assim *-*
    Beijão.

    isadorambelinassi.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oie,
    Adorei o texto, você escreve muito bem ;p
    Quem nunca pausou um namoro por indecisão e voltou diversas vezes kkk Acho que é minha vida ;p
    Beijinhos Screepeer
    http://screepeer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, ah que bom ler isso.
      Sim, eu passo super por isso, mas estou melhorando *-*
      beijocas

      Excluir
  6. Li esse texto , e me vi nele aconteceu exatamente isso comigo
    tiver que partir, mas tive que volta
    as vezes a gente precisa se afastar pra saber se realmente existe amor
    http://eesmaltecia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que lindo saber que pessoas passaram por coisas parecidas *-*

      Excluir
  7. Me vi demais no seu texto..
    Já passei por isso:x

    www.chaeamor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo chegar aos leitores dessa forma *-* beijocas

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Enfim encontrei

Enfim encontrei um novo motivo para sorrir. Em meio ao caos, em meio a dor, em meio a solidão a escrita fez morada. Entre mil e um motivos para chorar eu pude voltar a sorrir. Por meio da escrita pude deleitar-me sobre as palavras e os sentimentos então expressar. A caminhada não foi fácil, mas o gosto do encontro fez valer a pena. No meio da vida, isso pode acontecer com qualquer um, e comigo aconteceu. Eu então me perdi. Fotografias, textos e lembranças vinham como uma ponta de luz na escuridão que o mar de desencontros me proporcionou. Mas, enfim encontrei.

Nessa caminhada muitos me ajudaram. O que eu não entendia era que quem tinha o mapa em mãos era eu. Ninguém mais, ninguém menos que eu mesma tinha o poder em mãos, o poder de me reencontrar. Enquanto esperei por todos a minha volta, o mar de desencontros apenas ficava mais fundo. E o encontro que tanto almejava apenas se afastava. Mas eu enfim encontrei. A escrita foi a minha grande aliada. Por meio dela pude reencontrar quem eu…

Hoje é tempo de regar

Hoje é tempo de regar. Hoje é tempo de cultivar aquilo que quero viver. Hoje é tempo de amar. Hoje é tempo de fazer o que eu ainda não fiz e manter aquilo que de bom já fiz. Hoje é tempo de agradecer mais em vez de reclamar. Hoje é tempo de escolher qual é o tipo de vida que eu quero viver. Hoje é tempo de ser quem eu sempre quis ser. Hoje é tempo de agir. Hoje é tempo de pensar, mas é tempo de respirar também. Hoje é tempo de relaxar, apenas trabalhar também não dá. Porque um dia, ah, um dia, todos iremos colher...

Hoje é tempo de investir. Hoje é tempo de brilhar. Hoje é tempo de reavaliar. Hoje é o tempo perfeito para olhar mais para o meu jardim. Hoje é tempo de escolher as sementes que quero plantar. Hoje é tempo de me conhecer. Hoje é o dia perfeito para regar em vez, novamente, de reclamar. Hoje é tempo de olhar com mais carinho para aqueles que quero por perto. Hoje é tempo de perdoar. Hoje é tempo de pedir perdão. Hoje é tempo de se priorizar. Hoje é tempo de plantar. Hoje é…

Série "Eu saí da depressão, você também pode!" - Início

Eu sempre sonhei em ajudar pessoas. Não sei por qual motivo em qualquer situação que algum ser humano estivesse em dificuldade estava lá eu ouvindo e dando altos conselhos. No início do Suave Pensamento eu fiz isso e ao longo do tempo (na vida real rs) também, eu só não imaginava a proporção que isso poderia tomar. Não imaginava que aqui poderia se tornar um lugar que sim eu pudesse ajudar o maior número de pessoas possível. Hoje em dia o Suave Pensamento se tornou esse lugar, um lugar de acolhida e de auxílio por meio das palavras. E assim vai ser com a Série que, desde os tempos de depressão, eu estava querendo criar e que se chamará "Eu saí da depressão, você também pode!".

Vamos entender um pouco mais dessa história?

Há 4 anos atrás eu entrei em depressão. Devido a inúmeros acontecimentos em minha vida que não soube lidar e maus hábitos (falta de equilíbrio entre as áreas da vida - a vida não é só estudo e trabalho não viu! rs) o corpo e a mente não aguentaram e pediram …